Pedreira Campo Magro – PR

Avaliação:
3.5/5 (4)
 A Pedreira desativada de Campo Magro, cidade metropolitana de Curitiba, é um ótimo passeio a ser feito em um final de semana com a família ou amigos. Ela fica em uma propriedade particular, mas já é de conhecimento público e seu acesso praticamente liberado.

Seu acesso não oferece maiores dificuldades, mas não chega a ser simples. Por se tratar de uma pedreira desativada em uma propriedade privada, não há sinalização e nem infra estrutura para atender os visitantes. Qualquer carro chega, mas é sempre bom estar preparado, pois as pedras podem facilmente furar um pneu. É bom evitar a ida pela "serrinha" com carros não 4x4, que por muitas vezes está ruim.

Desativada há mais de 10 anos, a empresa proprietária do local (Cal Bateiras) já tentou algumas vezes bloquear o acesso, mas sem sucesso. A prefeitura de Campo Magro chegou a tentar negociar a compra da pedreira para transformá-la em ponto turístico devido a sua fama, mas sem sucesso em função da falta de verba. A empresa pretende voltar a trabalhar no local, assim que resolver as questões com o IAP e a Mineropar.

O lago se formou quando a empresa mineradora chegou no lençol freático, a aproximadamente 12m de profundidade, inundando a pedreira. Enquanto isso as pessoas vão utilizando a pedreira nos finais de semana para passeios, churrascos, mergulho, pescaria, etc. Inclusive esse é um dos problemas do local, pois a falta de infra estrutura e monitoramento faz da pedreira um local de visitação sem controle.

Sujeira, barulho, som alto são alguns do problemas que encontramos no local. Jipeiros e motociclistas são figuras carimbadas, pois seus arredores contém muitas trilhas e estradas offroad.

Tirando seus problemas, o local é muito bonito. A água é verde e bem transparente. Os paredões ao redor da pedreira tem uma beleza única, bonita aos olhos. Sem dúvida um ótimo local para se conhecer.

O grande porém da sua visitação é a segurança, pois o local é muito utilizado para "desova" de carros. Ao seu redor existem muitas carcaças, inclusive de carros novos, demonstrando que a prática ainda ocorre, tornando o horário da visitação restrito aos horários claros do dia. Não é nem um pouco recomendado ficar lá a noite. No fundo do lago também encontram-se muitos carros, a 75m 12m de profundidade.Definitivamente uma parada obrigatória nos inúmeros passeios que Campo Magro oferece.

Mapa:

Wikiloc

 

Dificuldade:
Natureza: 
4x4: 

Vote:

Posted in Passeios and tagged , , .

4 Comments

  1. Curti muito o blog. Eu tenho um Renegade 4×2, mas o controle de tração ajuda bastante e eu ja testei ele kkkk. Eu fiquei curioso sobre o que você disse sobre a ida pela serrinha e queria saber qual trecho é esse na navegação do wikiloc. Obrigado e continue com o blog, curti muito e vou visitar com frequencia!!!

  2. Eu fui pela serrinha Sérgio, estava seco no dia e passei sem problemas, mas realmente se chover fica bem complicado pra passar sem tração…o lugar é muito bonito!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *